Conheça 6 médicos de sucesso para se inspirar

Certamente, a área da saúde contém inúmeros nomes que fizeram história na área, e através deles, procedimentos, métodos e tratamentos foram criados para aumentar ainda mais a qualidade de vida das pessoas. Portanto, no post de hoje nós iremos conhecer alguns dos maiores nomes da medicina, a fim de agregar ainda mais o seu conhecimento sobre o assunto. Confira!

1. Raul Marino Junior

Médico Paulistano, Raul Marino Júnior nasceu no ano de 1936 e acabou se formando totalmente na profissão em 1961. Depois que se dedicou à carreira acadêmica na FMUSP (Faculdade de Medicina de São Paulo), acabou realizando um doutorado no ramo da neurocirurgia e conseguiu conduzir diversos estudos importantes sobre os distúrbios neuropsiquiátricos de origem crônica.

Além disso, o médico paulistano também estudou em Harvard Medical School e também no MIT (Massachusetts Institute of Technology) na cidade de Boston, nos Estados Unidos. Também fez diversas especializações no Canadá, especificamente na McGill University, em Montreal.

De forma prática, sabe-se que todos os seus trabalhos tiveram um impacto extremamente importante para um melhor entendimento das doenças neuropsiquiátricas atuais. E por fim, Raul Marino Junior acabou se tornando uma das maiores referências na medicina, especificamente na área bioética.

2. José Eduardo de Souza

Um grande e conhecido médico que não pode faltar nessa lista, é o José Eduardo de Souza. Caso você não saiba, estamos falando de um famoso médico maranhense, que nasceu no ano de 1934. De forma prática, ele acabou se formando em medicina em 1958, na Universidade Federal de Pernambuco.

Sabe-se que o famoso cardiologista conseguiu obter grande destaque na década de 60 com base em seus procedimentos pouco invasivos. No ano de 1966, ele foi o primeiro a realizar o famoso exame do cateterismo, e após os anos 70, começou a centrar sua carreira no desenvolvimento da cardiologia intervencionista, contribuindo com a redução da reestenose.

No entanto, José Eduardo de Souza acabou ganhando seu grande destaque no ano de 1999, quando acabou realizando um procedimento cuja realização era de introduzir um uma prótese de metal na coronária: o famoso stent.

De forma prática, o procedimento acabou sendo popularizado e ganhou destaque para o tratamento da DAC (Doença Arterial Coronariana), bem como de outros problemas cardiovasculares, já que tende a impedir a obstrução de artérias com o uso de placas de gordura.

3. José Pedro da Silva

Durante um encontro que aconteceu no ano de 2012 na Sociedade de Cirurgiões Torácicos nos EUA, o José Pedro da Silva acabou sendo intitulado como o “médico que mudou o mundo”. Isso porque ele apresentou um método extremamente eficiente para realizar a correção de uma má-formação na região do coração.

De forma prática, esse processo consiste no uso do próprio tecido do paciente, evitando a probabilidade de que o mesmo possa realizar cirurgias. Com isso, ganha-se um maior sucesso na redução da redução, já que o tecido é advindo do próprio organismo da pessoa.

José Pedro da Silva nasceu em São Paulo, na zona rural do interior do estado. Quando foi para a cidade, estudou e se formou na UNESP (Universidade Estadual Paulista), na cidade de Botucatu.

Com o tempo, José foi se especializando em cardiotorácicas para o público infantil, e atualmente realiza procedimentos complexos pelo mundo afora. Além disso, ele oferece aulas e ensina suas técnicas para diversos hospitais conceituados na área da saúde.

4. Adriana de Oliveira Melo

A obstetra paraibana Adriana de Oliveira Melo, graduada pela Universidade Federal da Paraíba, conseguiu obter excelentes destaques tanto na imprensa nacional, quanto na internacional. Isso porque ela foi a responsável por conseguir identificar, no ano de 2015, a relação do Zika Vírus com a questão misteriosa do nascimento de diversas crianças com uma má-formação no cérebro.

Antes mesmo da epidemia da microcefalia ter ocorrido, ela já era bastante popular na cidade de Campina Grande, na Paraíba. Mães e gestantes de toda a região e estado precisaram procurar a obstetra para casos mais graves e raros.

Nos dias atuais, Adriana Oliveira encontra-se residente no IPESQ (Instituto de Pesquisa Professor Joaquim Amorim Neto), que é uma entidade filantrópica que tende a estudar a relação do zika com a microcefalia ao longo prazo.

5. Angelita Habr-Gama

Filha de libaneses refugiados e nascida na Ilha de Marajó, Angelita conseguiu fazer história ao ser a primeira cirurgiã graduada pela Universidade de São Paulo (USP). Isso porque a área é completamente dominada por homens, e por ser mulher, acabou mostrando ao público feminino que não existem limites na medicina para as mulheres.

Além disso, ela ingressou na USP na década de 50 e desde então continua por lá. Com sua carreira totalmente voltada à vida acadêmica, ela já liderou inúmeras equipes de gastroenterologia, cirurgia digestiva e coloproctologia.

Como se não bastasse, ela ainda foi fundadora da ABRAPRECI (Associação Brasileira de Prevenção ao Câncer do Intestino). Sem contar que foi a primeira mulher latino-americana a tornar-se parte de um movimento estrangeiro, denominado European Surgical Association.

6. Atos Alves de Souza

Não menos importante do que todos os médicos citados acima, é dar ênfase para o mineiro Atos Alves de Souza, que realizou seu doutorado na FMUSP no ano de 1999 — após um período inteiramente dedicado ao mundo da cirurgia.

Entretanto, ele acabou se destacando na área após a especialização, quando decidiu executar métodos mais complexos e entrar na área de consultoria para diversas entidades nacionais e internacionais ligadas à área de neurocirurgia.

Aqui no Brasil, ele acabou ganhando uma enorme projeção por liderar o Hospital Lifecenter e o Centro Cirúrgico da Santa Casa, ambos em Belo Horizonte. Além disso, também foi professor na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), na faculdade de Ciências Médicas.

Gostou deste artigo? Conforme vimos, existem alguns nomes na medicina que não podemos deixar de esquecer. Afinal, eles oferecem diversas conquistas para problemas que anteriormente ainda não tinham solução, e que hoje, já podem ser devidamente tratados.

Agora que você já conhece alguns dos principais médicos mais nomeados do setor de saúde, que tal estudar no melhor cursinho para ser aprovado em medicina? Acesse agora o site da MS Medicina e comece a estudar conosco.

Deixe uma resposta

Rolar para cima
Estamos aqui para te ajudar!
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]