5 países para estudar medicina fora do Brasil

No Brasil podemos encontrar os melhores cursos de medicina já listados, com faculdades consideradas as melhores de todo o mundo.

Mas, fazer faculdade em uma das universidades públicas do país pode ser um grande desafio, principalmente no curso de medicina que é tão concorrido por aqui.

Além disso, é preciso ter uma boa nota no ENEM para garantir a vaga em faculdades públicas ou concorrer a uma bolsa parcial ou integral em faculdades particulares.

Por conta dessa dificuldade, muitas pessoas acabam cogitando a ideia de estudar medicina fora do Brasil, e por isso, hoje trouxemos as melhores opções de países para você escolher.

Se o seu desejo é estudar medicina fora do Brasil, é importante avaliar em qual país será o melhor destino para você.

Essa escolha pode ser bem difícil, principalmente porque a carga horária das faculdades pode mudar de acordo com cada país. Além disso, é preciso levar alguns pontos em consideração, como a qualidade da faculdade, o tempo de duração do curso, se você terá facilidade em compreender o idioma e qual será o preço da mensalidade e das despesas.

Para que você consiga escolher, confira algumas opções e informações abaixo:

Boa leitura!

1 – Argentina

A Argentina é um dos melhores países para estudar medicina fora do Brasil. Por lá você consegue ter ótimas experiências de intercâmbio por conta da variedade das cidades, desde as mais agitadas até as mais afastadas de centros turísticos.

É comum que estudantes brasileiros escolham a Argentina como destino quando desejam estudar medicina. Além disso, é possível ter algumas vantagens como fácil acesso por ser um dos membros do Mercosul, ensino público gratuito para brasileiros, cursos todos lecionados em espanhol e faculdades públicas disponíveis.

O nível de qualidade dos estudos na Argentina é excelente e seguro, além de não precisar prestar vestibular, basta se inscrever no curso e fazer um período preparatório.

2 – Reino Unido

Mais uma opção de países para estudar medicina fora do Brasil. Uma das grandes vantagens de escolher esse destino é a qualidade do ensino. Quatro das melhores faculdades de medicina do mundo são britânicas.

Além disso, o Reino Unido é referência em pesquisas médicas, e você pode concluir o curso de medicina em seis anos, assim como no Brasil. As matérias são todas lecionadas em inglês, e você também pode conseguir bolsas de estudos para que seus gastos com as mensalidades e até algumas despesas extras sejam cobertas.

Mais uma vantagem de escolher o Reino Unido para estudar medicina fora do Brasil é que lá também podemos contar com um sistema público de saúde, garantindo que você como aluno tenha vivência na prática além da teoria médica.

3 – Espanha

A Espanha também é uma excelente opção para quem deseja estudar medicina fora do Brasil. Mesmo sendo um país da Europa, não é um lugar caro para se viver, e com isso, é destino de muitos brasileiros que desejam fazer intercâmbios, por exemplo.

O custo de vida por lá chama a atenção de alunos da graduação, e com isso, faz com que seja um dos lugares mais disputados para esse curso também.

Todas as aulas são lecionadas em espanhol, o que torna mais fácil para os brasileiros também. O processo para entrar na faculdade de medicina na Espanha é parecido com qualquer outra faculdade: você faz o vestibular em formato de prova.

O curso de medicina também é em formato de graduação, onde você consegue concluir em seis anos. Existem possibilidades de conseguir bolsas de estudos para custear as suas despesas com mensalidades e materiais extras. Os cursos são de alta qualidade, além de terem mensalidades mais em conta quando comparadas a outros países.

4 – Austrália

Mais uma opção para quem deseja estudar medicina fora do Brasil é a Austrália. É um destino que você precisa saber falar inglês.

As faculdades de medicina da Austrália são tão renomadas quanto as faculdades britânicas, e por isso, também são muito procuradas por serem referenciais da área de saúde.

Além da qualidade de ensino e do idioma em que as aulas são lecionadas serem em inglês, os cursos desse país são muito versáteis, podendo ser oferecidos como pós-graduação ou graduação. No bacharelado, os cursos de medicina da Austrália são um pouco mais longos do que o comum, mas ainda assim vale a pena tentar.

As faculdades da Austrália são reconhecidas mundialmente e você tem a possibilidade de concluir seu curso em sete anos. As anuidades do curso são mais em conta do que comparados a outros países ingleses, além de você também conseguir a possibilidade de garantir bolsas de estudos para te ajudar com as despesas mensais.

5 – Holanda

A Holanda, mesmo sendo um país extremamente turístico, também é uma excelente opção para quem deseja estudar medicina fora do Brasil.

Sendo um país pequeno, ela serve como porta de entrada para outros países da Europa, fazendo com que o sistema de locomoção seja mais eficiente e simples.

Além disso, a cultura do país é muito moderna, organizada, histórica e divertida, tendo o equilíbrio perfeito entre um local intrigante e animado. O sistema educacional da Holanda é muito tradicional, e com isso, o curso de medicina do país é um dos melhores para quem deseja estudar no exterior.

O diferencial da Holanda é a quantidade de faculdades de medicina que estão entre as melhores de todo o mundo. Mesmo sendo um lugar pequeno, das 100 melhores faculdades de medicina, seis universidades são holandesas.

Além disso, você pode contar com o sistema de mestrado integrado, onde você não sai apenas com o diploma de bacharel, mas também de mestre. O curso possui seis anos, onde três deles são destinados a formação de graduação, e os outros três para a formação de mestre.

Agora que você já sabe quais as melhores opções de países para estudar medicina fora do Brasil, se prepare e estude com um curso pré ENEM para garantir a sua vaga.

MS Medicina é o cursinho mais forte e completo para quem quer ser aprovado. Acesse o site e se matricule!

Deixe uma resposta

Rolar para cima
Estamos aqui para te ajudar!
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]