Técnica Pomodoro: conheça esse método de estudo

A técnica Pomodoro surgiu em 1988 e foi inventada por Francesco Cirillo, um consultor de negócios e escritor italiano. O método é uma forma de otimizar o tempo, seja nos estudos, no trabalho ou em outros afazeres.

Nos estudos, ele pode ser muito efetivo, já que auxilia a gerir o tempo com foco naquilo que precisa ser feito e pequenos intervalos para manter o ritmo. Continue conosco para entender mais sobre a técnica Pomodoro e como ela pode te ajudar nos seus estudos.

O que é a técnica Pomodoro?

De acordo com o livro de Francesco Cirillo “The Pomodoro Technique”, o método considera o tempo como algo valioso, que deve ser otimizado para garantir os melhores resultados. É por isso que o objetivo do método é não apenas fazer o que deve ser feito, como possibilitar a observação daquilo que foi feito. Assim, é garantida não apenas a produtividade, como a qualidade do que se produz.

O método Pomodoro é ideal para quem se distrai com facilidade, pois inclui pausas para descanso, para repor as energias e poder focar em outras atividades por alguns minutos. A técnica tem sido um grande sucesso entre o público jovem, acostumado a realizar mais de uma atividade ao mesmo tempo, exatamente por ser bastante dinâmico.

A técnica Pomodoro também é bastante eficiente entre as pessoas que costumam procrastinar seus afazeres, ou seja, aquelas pessoas que postergam o que precisa ser feito. Seja por ansiedade ou quando bate aquela preguiça de estudar, o método é bastante eficaz para organizar a rotina.

Quem possui um histórico de baixa concentração, ansiedade ao estudar e está com a produtividade prejudicada pode sair ganhando ao utilizar o método. A seguir, você vai aprender como colocá-lo em prática na sua rotina e otimizar o momento de estudos.

Como colocar em prática a técnica Pomodoro nos estudos?

A técnica Pomodoro é indicada para profissionais de diversas áreas, estudantes do ensino médio, graduação, entre outros, mas é especialmente eficaz para os vestibulandos e concurseiros. Isso porque ele te ajuda a organizar a grande quantidade de conteúdo, sem que se torne extremamente cansativo.

Antes de mais nada, você vai precisar dos seguintes materiais:

  • Timer, despertador ou app do celular;
  • Papel e caneta para anotar;
  • Ou, se preferir, o bloco de notas do computador ou celular.

Pomodoro, em italiano, significa tomate, pois o método é inspirado nos quartos em que um tomate pode ser cortado. Assim, o seu tempo de estudos será dividido em quatro partes, sendo que para cada uma delas você terá 5 minutos de descanso. Veja como é distribuído o tempo:

  • 25 minutos com foco nos estudos;
  • 5 minutos de descanso;
  • 25 minutos com foco nos estudos;
  • 5 minutos de descanso;
  • 25 minutos com foco nos estudos;
  • 5 minutos de descanso;
  • 25 minutos com foco nos estudos;
  • 5 minutos de descanso.

O método Pomodoro dura 2 horas, sendo que neste período é recomendável se dedicar a apenas um tipo de atividade. Para uma nova atividade, utilize um novo Pomodoro. Entre uma e outra atividade, você pode incluir uma pausa maior, de até 30 minutos.

Lembre-se que as pausas são muito importantes para a efetividade do método, por isso, tendo terminado ou não após os 25 minutos, interrompa, descanse e volte após os 5 minutos.

Técnica Pomodoro passo a passo

A técnica Pomodoro é um dos métodos de estudo mais simples que existem e são necessários apenas 5 passos para inserir em sua rotina, veja quais são eles:

  1. Defina qual tarefa será realizada no período de 2 horas;
  2. Coloque seu cronômetro em 25 minutos (1 Pomodoro);
  3. Trabalhe na tarefa durante os 25 minutos sem interrupções
  4. Quando o cronômetro tocar, pause o que estava fazendo durante 5 minutos
  5. Repita 4 pomodoros (25 minutos cada de atenção plena seguidos de 5 minutos de pausa).
  6. Ao finalizar os 4 Pomodoros, faça uma pausa maior de 15 ou 30 minutos antes de seguir para um próximo ciclo.
    Quais vantagens esse método traz em meus estudos?
    O criador da técnica Pomodoro afirma que ela é repleta de vantagens para quem busca melhorar sua gestão de tempo e eliminar de vez a procrastinação. Confira quais são elas.
    • Ajuda a controlar a ansiedade, pois estabelece um tempo de estudos cronometrado com pausas para relaxar;
    • Traz foco e concentração, ajudando a evitar interrupções durante as tarefas;
    • Melhora a capacidade de reter informações, por conter pausas que ajudam a memorizar o que está aprendendo;
    • Fornece mais organização por meio do tempo que é cronometrado e a certeza de realizar as tarefas naquele período;
    • Reduz os ruídos e a procrastinação no meio das tarefas, pois há um tempo destinado a isso.

E se houver interrupções mesmo assim?
O início de um novo método de estudos pode ser um período de grande adaptação. Pode ser, por exemplo, que você ainda tenha interrupções nos períodos dedicados ao estudo. Nestes casos, o autor do método recomenda que se use as notas do computador, celular ou papel para anotar as interrupções.
Vale lembrar que há tipos diferentes de interrupções: as internas e as externas. As internas são aquelas em que o estudante se distrai, sente vontade de ir ao banheiro ou direciona os pensamentos para outras questões. Já as externas são causadas por outras pessoas ou situações.
O autor da técnica Pomodoro recomenda anotar em quais momentos ocorrem as interrupções e de quais tipos elas são. Assim, é possível observar um padrão para saber em quais momentos e o que está tirando a sua atenção plena dos estudos. Se houver muitas interrupções externas, considere mudar o local de estudos. Se elas são internas, observe o que tem causado e durante quais atividades elas costumam aparecer.
A técnica Pomodoro pode ser muito efetiva para os vestibulandos, mas não é preciso se limitar apenas a ela. Vale a pena testar e observar se funciona para a sua rotina ou mesmo fazer pequenas modificações, de acordo com o que se adequar melhor no seu perfil de estudos. Mas lembre-se de incluir períodos de atenção plena seguidos de pausa, pois essa receita te ajuda a render mais nos estudos.

Deixe uma resposta

Rolar para cima
Estamos aqui para te ajudar!