Medicina UFPR: saiba tudo sobre curso e a note de corte

O objetivo de muitos estudantes que sonham em cursar medicina é ingressar em uma universidade reconhecida, representando o diferencial para sua vida profissional. Desse modo, a UFPR, vem se tornando a escolha de muitos estudantes.

Para aqueles que moram ou buscam a mudança para o sul do país, a Universidade Federal do Paraná traz no portfólio características diferenciais. Qualidade no ensino, desenvolvimento de pesquisas e produção científica, e história no meio acadêmico.

Por isso, separamos algumas informações importantes que podem auxiliar o vestibulando, na hora de escolher ingressar na universidade. Afinal, para entrar em uma das instituições e cursos mais concorridos do país é preciso estar preparado.

Conhecendo a UFPR

Apesar de ter sido fundada em 1912, seu projeto teve início duas décadas antes. Foi no ano de 1892 que foi realizado na Praça do Ouvidor Pardinho, o evento de lançamento da pedra fundamental da instituição.

No entanto, a Revolução Federalista que ocorria no sul do país, adiou os planos da universidade. Em 1913 tiveram início as atividades de ensino na instituição, que começou inicialmente como uma unidade particular.

Dentre os cursos iniciais ministrados estavam os de Medicina e Cirurgia, Odontologia, Farmácia e Obstetrícia. Após a Primeira Guerra Mundial a universidade foi desmembrada em várias faculdades autônomas, sendo apenas restaurada nos anos 40.

Sua federalização ocorreu em 1950, quando passou a se chamar Universidade Federal do Paraná, nome que prevalece até hoje. Nesse período começou o seu processo de expansão e consolidação como uma das mais prestigiadas universidades do país.

Atualmente tem unidades distribuídas por diversos campi em Curitiba e outras cidades do Paraná. Oferecendo cursos de graduação, mestrado, doutorado, além de especializações e residências médicas.

Sobre o curso de medicina

A primeira turma de medicina na universidade teve suas aulas iniciadas no ano de 1914 e a primeira formatura em 1919. Durante os anos, teve diversas denominações, atualmente é conhecido como Curso de Medicina do Setor de Ciências da Saúde da UFPR.

A instituição segue no objetivo de formar além de profissionais preparados para o progresso tecnológico e científico, também médicos que tenham valores éticos e humanísticos. Profissionais preparados para atuar diante das exigências da área da Saúde.

Desse modo, o currículo do curso traz um caráter dinâmico em sua estrutura. Dedicando os primeiros anos as disciplinas de base e necessárias, seguidos pelo exercício prático, sempre com embasamento teórico necessário.

Além dos Hospitais – Escola que fazem parte da UFPR, os estudantes também podem cumprir os estudos e estágios nas Unidades de Saúde e Centros de Especialidades Médicas de Urgência (CEMU).

Para aqueles que desejam também é possível cursar as especializações oferecidas pela universidade. Que dispõe de núcleos especializados e de excelência.

Vestibular: Como é o processo de seleção da UFPR?

Para ingressar no curso de medicina da instituição é preciso estar preparado para enfrentar grande concorrência e questões com alto nível de complexidade. O processo de seleção é feito pela própria universidade através do Núcleo de Concursos.

A exemplo de outras universidades, o seu vestibular é dividido em duas etapas. Na primeira fase o candidato deve resolver questões de múltipla escolha. Em um total de 90 questões, divididas entre áreas gerais, como Física, Química, História e Língua Estrangeira.

Na segunda fase, devem ser resolvidas questões discursivas com conteúdo específico para cada curso. No entanto, com a pandemia que teve início no ano de 2020, o processo seletivo sofreu mudanças e na última seleção apenas foi aplicada a primeira etapa.

Apesar de realizar o vestibular próprio, a universidade também aderiu ao SISU para candidatos que realizaram o ENEM. No entanto, a seleção é utilizada para aquelas vagas que não foram preenchidas pelo seu tradicional vestibular.

Para anotar na agenda, o processo seletivo geralmente abre nos mês de agosto e as provas são aplicadas em dezembro. Para acompanhar e não perder os prazos é preciso acompanhar o site do Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná.

Entendendo as notas de corte

Um assunto que tira o sono de muitos estudantes é a temida nota de corte dos vestibulares. Mas ela não deve ser utilizada para desmotivar o vestibulando, pelo contrário quando vista como uma meta a ser superada ajuda na rotina de estudos.

Primeiramente é preciso compreender como ocorre a oferta de vagas da UFPR. A universidade dedica 50% das suas vagas para a modalidade de ampla concorrência, ou seja, candidatos que não se enquadram nas ações afirmativas de cotas.

Os 50% das vagas são destinados aos inscritos na modalidade de cotas. Desse modo, são reservadas para aqueles que tenham obtido o diploma do ensino médio em escolas públicas, ou através de exames como o ENEM ou ENCCEJA.

Também são reservadas vagas para candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas e pessoas com deficiência. Também são aplicadas cotas aos vestibulandos com renda salarial igual ou inferior a um salário mínimo e meio, oriundos de escolas públicas.

A partir das notas dos inscritos em cada modalidade é definida a nota de corte dos cursos. Esta, nada mais é que menor nota do último candidato selecionado dentro do número de vagas estabelecido para o vestibular.

Para estudantes que realizaram o ENEM e se inscreveram através do SISU, a nota de corte é dinâmica e acompanhada todos os dias até o final das inscrições no programa. Por isso, muitos levam como base a nota de corte de anos anteriores.

As maiores notas de corte

O curso de medicina da UFPR é oferecido em Curitiba em seu campus sede, assim como na unidade do município de Toledo. E foi o responsável pelas maiores notas de corte do ano de 2021, alcançando o valor de 823,22 para ampla concorrência na capital.

A unidade de Toledo veio logo em seguida, com uma nota de corte de 813,72 também na categoria de ampla concorrência. Para estudantes de escola pública a nota de corte seguiu alta, sendo de 795,68.

Além do curso de medicina, a universidade também apresenta acirrada concorrência em outras áreas, como Engenharia de Biotecnologia com nota de 777, 24 para a modalidade geral. Cursos como Jornalismo e Direito também exigiam notas acima de 700 pontos.

Concluindo

A Universidade Federal do Paraná é uma instituição de reconhecida nacional e internacionalmente. Figurando entre os melhores ensinos do país e histórico de trabalho com pesquisa e produção científica.

Uma excelente opção para estudantes que desejam cursar medicina e tê-la como diferencial para a vida profissional. Para isso, é preciso dedicação aos estudos e planejamento, afinal, a disputa em seu vestibular é acirrada.

Para estar preparado, nada melhor que contar com professores especializados e conteúdo de referência. Por isso, a MS Medicina é o cursinho completo para aqueles que buscam a aprovação no vestibular.

Entre em contato conosco . E esteja preparado para cursar a universidade dos seus sonhos.

Deixe uma resposta

Rolar para cima