As cinco melhores faculdades privadas de Medicina

Você decidiu que quer fazer Medicina. Ótimo! Além de ser uma faculdade que praticamente já vem com garantia de emprego e ótimos salários, você ainda estará melhorando e até salvando a vida das pessoas.

Mas, até chegar lá, há um caminho árduo pela frente: escolher uma universidade, conseguir ingressar em uma delas e, depois, enfrentar 6 anos de curso!

Nosso objetivo é te ajudar na primeira etapa, ou seja, escolher a sua faculdade de medicina e, mais especificamente, uma faculdade de medicina particular. Por quê?

Porque as universidades públicas ocupam ótimas avaliações nos rankings nacionais e, normalmente, os candidatos nem precisam se preocupar muito com a seleção da universidade em si, apenas em como conseguir passar em uma delas.

Agora, quando falamos de faculdades particulares, aí há muito o que se ponderar, afinal, são mais de 200 opções e estamos falando de um curso com mensalidades que variam de R$ 5.000,00 até R$ 12.000,00 e alguns cursos nem tão bem avaliados assim.

Como nem todas as instituições são avaliadas no ENADE, trouxemos aqui as 5 melhores faculdades particulares de medicina segundo o Ranking Universitário da Folha, o RUF.

Foi criado em 2012 pela Folha de S. Paulo e o último publicado é de 2019, utilizando uma metodologia baseada em indicadores consolidados de rankings nacionais e internacionais, além de também avaliar o cenário local.

Ele leva em consideração dados do Censo da Educação Superior Inep – MEC, Enade, Inpi, SCIELO e indicadores como Pesquisa, Ensino, Internacionalização, Inovação e Mercado.

Então vamos à lista!

1 – PUCRS – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – RS

A universidade ocupa a 15ª posição no ranking geral, e tem mensalidade em torno de R$ 7.700,00 e matrícula praticamente no mesmo valor. São 120 vagas anuais para o curso, com uma relação de candidato/vaga de 76,33.

As disciplinas são focadas em promoção, prevenção, diagnóstico, terapia e reabilitação em saúde, e há práticas em laboratórios especializados e com pacientes, na rede pública de saúde, no Hospital São Lucas da PUCRS, no Instituto de Pesquisas Biomédicas (IPB) e no Instituto do Cérebro (InsCer).

O ingresso na universidade tem 3 modalidades:

• Vestibular PUCRS;

• ENEM (Provas realizadas entre 2012 e 2020, com 400 pontos ou mais;

• Vestibular e ENEM, em que se considera a melhor classificação em ambos.

No que se refere ao pagamento, são oferecidas diferentes opções de financiamento:

• Crédito Educativo PUCRS – O aluno paga 50% durante o curso e o restante após a conclusão;

• Crédito Universitário Banrisul – permite o financiamento da matrícula e das mensalidades, com taxa de 1,50% ao mês e o dobro de tempo para pagar;

• Crédito Estudantil Uni – que também permite pagar o curso no dobro do tempo;

• Prouni – com bolsas integrais e parciais.

2 – FCMSCSP – Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa São Paulo – SP

Esta universidade ocupa a 16ª posição no ranking geral e tem mensalidade em torno de R$7.770,00. São 180 vagas disponíveis, com uma relação de candidato/vaga em torno de 55,6.

Segundo a instituição, o curso se baseia em um currículo inovador com Departamentos, onde as disciplinas afins são agrupadas para se otimizar o ensino e o currículo está voltado para a formação do médico generalista, humanista, visão crítica e reflexiva.

As atividades práticas do curso são feitas em sistema de internato na Santa Casa de São Paulo e, ao final do internato, nos dois últimos meses, o aluno pode fazer um Estágio Eletivo, escolhendo uma das áreas para reforçar sua formação (Cirurgia, Clínica, Pediatria ou Tocoginecologia).

O sistema de ingresso é por vestibular, sendo que, das 180 vagas ofertadas, 175 são para candidatos de ampla concorrência e 5 para candidatos à bolsa integral de 100%, aplicável apenas a candidatos com renda familiar per capita bruta de até 1 salário mínimo e meio.

3 – SLMANDIC – Faculdade São Leopoldo Mandic – SP

A faculdade ocupa a 22ª posição no ranking geral e com mensalidade em torno de R$ 12.850,00. Oferece 250 vagas para o curso, com uma relação de candidato/vaga em torno de 11,66.

Conforme a instituição, o curso preza pela formação do médico generalista humanizado e tem uma proposta de ensino revolucionária e de vanguarda com um currículo moderno e um corpo docente altamente qualificado, além de orientações práticas e teóricas de promoção da saúde, apoiadas nas mais recentes conquistas científicas e tecnológicas.

Entre os diferenciais destacados pela universidade estão o fato de os alunos terem contato com pacientes desde o primeiro mês de aula, os convênios com hospitais da região com mais de 1600 leitos disponíveis aos alunos, laboratórios de simulação em diferentes cenários, laboratório de técnica cirúrgica e robótica e incentivos à pesquisa.

O ingresso é feito por meio de vestibular classificatório normalmente realizado no mês de outubro. Não há informação sobre o programa de bolsas disponibilizado pela universidade.

4 – EBMSP – Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – BA

A Escola ocupa a 26ª posição no ranking geral e com mensalidade de R$ 5.390,00. São oferecidas 150 vagas por semestre.

Como descrito por eles, o curso de Medicina da Bahiana oferece um currículo que permite o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e competências técnico-científicas essenciais para a formação de um profissional capaz de acompanhar os avanços científicos e tecnológicos da atualidade, propiciando também a aquisição de habilidades e atitudes relacionadas a saber escutar, acolher e cuidar das pessoas.

O curso oferece experiências no Sistema Único de Saúde, incluindo atendimento primário, secundário e terciário (unidades de saúde da família, unidades de pronto-atendimento, ambulatórios e hospitais) e proporciona também práticas interprofissionais, para se trabalhar em equipe.

O ingresso é feito pelo PROSEF, semestralmente, um processo seletivo que, além de avaliar conhecimento geral e redação, também tem a etapa de vivência.

A Escola oferece opção de financiamento pelo Bradesco, sendo feito semestralmente e de até 4 anos de curso, e pelo Santander, a partir do 3º mês do curso.

5 – UNIFOR CE– Universidade de Fortaleza – CE

Esta universidade ocupa a 37° posição no ranking geral, com mensalidade no valor de R$ 7.400,00 e são oferecidas 100 vagas.

Segundo eles, o curso é para quem deseja atuar como promotor da saúde integral do ser humano por meio do desenvolvimento de ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência, com senso de responsabilidade social e compromisso com a cidadania.

Entre os diferenciais apontados, a aprendizagem é baseada em problemas, as disciplinas e clínicas são integradas em módulos para incentivar a prática e desenvolvimento de habilidades que acompanham as tendências internacionais.

A forma de ingresso é por vestibular ou pela nota do ENEM de 2009 a 2020, com desempenho mínimo igual ou superior a 450 pontos.

Para financiamento, a universidade oferece opção pelo FIES e bolsas acadêmicas para esportes, atividades culturais, iniciação científica e monitoria, com percentuais variáveis.

Agora que você já conhece um pouco sobre cada uma delas, já pode passar para a próxima etapa: a aprovação! Bons estudos.

Deixe uma resposta

Rolar para cima